A banda da noite não se chamava assim, era apenas algo foneticamente parecido. Assim, foi como sucederam todos os olhares invariavelmente discretos da noite. Cortejos de pessoas civilizadas, mas com seus inúmeros segredos engolidos escapando pelas garrafas abertas sobre a mesa. Todos achando que enganam alguns e a si mesmos. Os desejos saindo pela culatra: […]

Para não perder o costume de inspirar e me fazer citar cantoras mulheres, Karina Buhr soltou essa frase no fone esquerdo do iPod: “Depois de tanto verbo, a pessoa morre”. Depois de tanto amar, sentir, sofrer, andar, falar, pedir, correr, ler, escrever, viver, ouvir, chorar, gritar, ferver, esfriar, mergulhar… A pessoa morre. Morre como morre […]

Amparo

outubro 24 2011 - In: Palavras sofis

2 comments

Este texto faz parte da série: “Palavras”  Essa foi a primeira vez no novo emprego que me sinto realmente cansada mentalmente durante o dia. Cheguei a querer, por alguns longos minutos, sair da sala e respirar ar puro do lado de fora do prédio. Felizes os fumantes, que possuem alguns momentos de procrastinação mental durante […]

Constante

outubro 23 2011 - In: Palavras sofis

1 comment

Este texto faz parte da série: “Palavras”  Gosto de ser assim como sou em dias de sol. Acordar com a Marisa Monte no despertador, encontrar a amiga de bicicleta, sair para ficar no sol ouvindo a banda suave do parque. Em dias assim, tenho uma leve impressão de que tudo não basta de longos e […]

Distração

outubro 19 2011 - In: Palavras sofis

2 comments

Este texto faz parte da série: “Palavras”  Eu devia ter por volta dos meus quase-vinte anos quando me apaixonei perdidamente por um homem feio. Feio foi o jeito que arrumei de chamá-lo para não me deixar levar pelas consequências de um amor não correspondido – essa coisa brega que a gente vê em novela, filme […]

Copyright © 2011 SofisticadaBlog

Desenvolvido por: LéxicoDesign